Ir a Roma e não ver o Papa

Já que estar em Roma e não visitar o Bento XVI é como ir a Roma e não ver o Papa, levantamos cedo no domingo (depois da festa de Haloween) e nos tocamos pro Vaticano. chegamos lá 5 minutos depois que o Papa tinha ido embora. A bênção dura só 20 minutos, a maior mordomia...

Falando honestamente, eu não gosto muito desse papa, entao foi bom chegar atrasada, assim me poupou um gesto de hipocrisia. Sem contar que no final daquele dia vi coisa muito melhor.

Fomos ao Giardino degli Aranci, jardim no alto de um morro com vista panorâmica de Roma
. Três ou quatro bandos de pássaros faziam a maior algazarra para encontrar um galho para dormir. Eles voavam em ondas, ora mergulhando, ora formando bolhas gigantescas de pontinhos pretos no ar. O barulho eu imagino que se podia ouvir a quilômetros. O sol estava se pondo, e fiquei uma boa meia hora assistindo ao voo sincronizado contra o céu cor-de-laranja.

Aí pensei: Quem precisa do Papa quando se pode ver Deus?

Veja as fotos:
Roma

2 comentários:

  1. Sábia reflexão, quem precisa de um papa quando somos criaturas Divinas e podemos ver Deus sem qualquer ajuda de ninguem, pois ele está em tudo o que vimos e tocamos.Bjos.

    ResponderExcluir
  2. Oieee. Adorei te ver. Hein! Queria te ajudar a identificar os pontos turísticos, mas não sei fazer comentários em fotos :<
    Nos vemos no happy hour, então??? Beijuuu

    ResponderExcluir