Brigadeiro de fogão elétrico

Escaldada com os desastres culinários da temporada passada na Alemanha, resolvi pesquisar no Google como fazer brigadeiro no fogão elétrico. Pelos relatos do Blog da Lu e Oi Toronto, as perspectivas não eram nada animadoras.

Paciência, bora pro fogão. Escolhi o bico onde sempre esquento o leite e liguei no número 2 (teoricamente o "fogo" médio). Coloquei lá uma colher de sopa de manteiga, uma lata de leite condensado e sete colheres de sopa de chocolate em pó Milka (foi a coisa mais parecida com Nescau que encontrei no supermercado Rewe).

Mexe, mexe, mexe... depois de uns 20 minutos ele começou a desgrudar do fundo - opa, tá dando certo. Fiquei na dúvida se estava no ponto, tive medo de queimar e desliguei. Cinco minutos na sacada pra congelar e uma noite na geladeira (na sacada viraria pedra).

Hoje de manhã, meu brigadeiro estava no ponto de meleca. Nem duro o suficiente para fazer bolinha, nem mole para comer como mingau. Estava esticando, que nem puxa-puxa de melado, sabe? Achei melhor colocar em taças.

O gosto e a textura ficaram ok. Mais 5 minutos cozinhando e ele teria ficado perfeito, acho. Na próxima eu acerto!

7 comentários:

  1. Acho todo doce feito com uma tonelada de leite condensado uma covardia. O doce já é o leite condensado, qual a contribuição da cozinheira nisso? Para implicar ainda mais, acho que o blog deveria se chamar hallo mir , und ich Verbreitung . Küssen.

    ResponderExcluir
  2. Leite condensado é só leite dôce mas, brigadeiro é tudo de bom, continua e pede ajuda para a Nani ela é especialista em fazer brigadeiro...kkkkkkk

    ResponderExcluir
  3. Francis,
    vou pedir uma ajuda para minha amiga de Sampa...
    quando eu quero o brigadeiro, olho pra ela e digo... "to mau" preciso de uma ajuda ....
    eu compro os ingredientes e vc entra com a mao de obra...
    e ela faz e fica bom...
    mas ele nao fica igual ao nosso nao...
    o nosso ate deu pra enrrolar, colocar um coco ralado por fora (pra ficar bonito) mas depois de fazer as bolinhas, elas começam a cair (se tornam discos hahah) mas o importante é o sabor..
    Como os italianos acham mto doce, qdo fizemos, so nós comemos...ouseja vale em formato de disco!
    abraços...
    geiza

    ResponderExcluir
  4. Nei: A contribuição da cozinheira fica clara quando o brigadeiro não dá certo... hehe.

    Geiza: Obrigada, minha flor! Quem sabe a gente não faz um cursinho rápido de capacitação em brigadeiro? =)

    Gabriel: Eu acho o gosto do Nesquik esquisito... sem contar que sempre fica uma borra no fundo do copo. O Milka ficou legal!

    ResponderExcluir
  5. O segredo do fogão elétrico é desligar bem antes. Pra fazer brigadeiro também. Arroz, por exemplo, já queimei um montão até aprender a desligar quando ainda está cheio d'água. É só deixar na boca e ele chega ao ponto.E ainda por cima economiza energia. Tem certas receitas brasileiras que tem que ser adaptadas aqui. A farinha e o acúcar são diferentes. O açucar daqui é mais doce então pode-se reduzir sem estragar a receita.
    Bjs

    ResponderExcluir
  6. Francis
    to lendo esse post, mais de 1 ano depois, rs.
    Afinal voce conseguir acertar o ponto?
    Caso nao, vou fazer uns e te mandar por courier....eheh

    bjs

    ResponderExcluir