Olimpíadas domésticas de inverno: o aquecedor

Todo mundo faz cara de apavorado quando os termômetros marcam -10ºC, mas na verdade aqui a gente só sente frio quando está na rua, porque dentro de casa, no trabalho, no supermercado ou no restaurante, é sempre 20ºC.

No meu apê, em cada cômodo tem um aquecedor de ferro branco em forma de sanfona que dá pra regular a temperatura de 6ºC a 24ºC.

Mas como tudo mais na Alemanha, manter a casa quentinha exige um método. A Anne-Rose me deu um cursinho de capacitação em operação de aquecedores quando cheguei. As regras são simples:

1) Todas as portas de todos os cômodos devem ficar fechadas para economizar energia (particularmente, acho um saco).

2) Ao sair de casa, devo ajustar os aquecedores para a temperatura mínima - para economizar energia.

3) Depois de tomar banho, tenho que abrir totalmente a janela e passar o rodinho nas paredes para tirar o excesso de água, senão cria mofo. Sem esquecer de desligar previamente o aquecedor, é claro, para economizar energia.

4) Quando chego em casa à noite, devo desligar todos os aquecedores e abrir as janelas para arejar a casa por cinco minutos. A Anne-Rose me sugeriu usar o timer do fogão para controlar os cinco minutos (!). E eu uso (!).

Nenhum comentário:

Postar um comentário